domingo, 30 de outubro de 2011

Devemos semear a boa semente!



“Não semearás a tua vinha com duas espécies de semente, para que não degenere o fruto da semente que semeaste e a messe da vinha.” (Deuteronômio 22.9.)

    Este verso da Bíblia nos fala que não devemos semear duas espécies de sementes, senão perderemos a colheita.A Bíblia nos ensina semear a boa semente, que é a Palavra de Deus, sem mistura, mas pura e genuína.
 
O que seria então plantar duas espécies de sementes? 
 
    Seria, exatamente, não levar uma vida coerente com a Palavra de Deus.Às vezes declaramos que Jesus é o nosso pastor, mas temos medo que falte o pão de cada dia, prometido por Ele.Ou talvez andemos ansiosos porque não sabemos esperar o agir de Deus.Ou andemos cansados demais porque não sabemos aquietar os nossos corações e entender que Ele é Deus.
 
   É possível que “o fazer” tenha se tornado mais importante do que “o ser” e nossa saúde espiritual esteja enfraquecida, porque quase não há mais tempo para um estudo devocional adequado.Ou talvez, não cuidemos da saúde física, porque já não existe tempo para uma caminhada.Isto é, deixar de cuidar do templo do Espírito Santo.
 
    Às vezes, relativizamos o Absoluto, que é Deus, e os mandamentos dele, porque achamos que é tão difícil levar uma vida honesta, casta e em santidade. Não raro, valorizamos as pessoas por aquilo que elas têm – certamente essas coisas não nos trarão uma boa colheita. É hora de pararmos de nos dividirmos entre dois Senhores, pois isso é correr atrás do vento. É preciso retornar ao verdadeiro Caminho: semear a boa semente, ainda que tenhamos que fazer isso, andando e chorando. Nesse percurso de humilhação, certamente teremos êxito.

Que o Espirito Santo de Deus habite no coração de cada um de vocês, em nome de Jesus!

Nenhum comentário:

Postar um comentário